sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Monarquia - Somente uma questao Politica

Discutir e defender a Causa Monárquica, é entrar claramente na politica. A Monarquia tem de ser apresentada ao Povo Português como uma solução Politica, uma mudança de regime, moderna actual, alegando os benefícios da mesma, respondo as outras Monarquias Munidas, e a maneira como a democracia nesses Países Tao desenvolvidos ou mais que o Nosso se encontra.
O ser Monárquico, não é sinonimo de estatuto, de estrato social de nobreza como muitos o utilizam é sim uma obrigação, se sou monárquico e vivo em Republica, há algo que não esta bem, e terá de ser mudado. talvez começar a trabalhar politicamente para essa mudança.

Uma das coisas que mais me impressiona (pela positiva) é que no ano de 2009 não existem em Portugal, Republicanos, existem "alguns" que defendem a Republica dita democrática, alegando ser a única maneira de democracia em Portugal, o que é claramente mentira e demagógico, o único e já conhecido argumento que nos apresentam é, o Presidente da Republica ser eleito pelo Povo. Ora isto não convence ninguém, e aqui talvez se encontre a maior lacuna da lacuna que é a Republica, a falta de alicerce de valores e argumentos.
Pois logo aqui nós Monárquicos, politicamente e somente politicamente estamos superiores, temos os nossos valores mais que alicerçados e bem fundamentados, com 800 anos de historia provada, a única historia que este pais teve, para contrapor! Pois é mesmo com essa historia, valores e raízes que devemos meter no centro politico esta questão Rei ou Presidente? - Monarquia ou Republica?!

Será a única maneira de algum dia Portugal voltar a ser um Portugal Real, Democrático com o Rei e Povo livre, e ai teremos de nos mentalizar que esta questão passa por um trabalho politico de destruição de uma má educação anti-monárquica e não Republicana de 100 anos de historia, o Povo português tem de entender que a Monarquia não é o que vem nos livros e obriga-Los a olhar para os Países mais desenvolvidos do Mundo, que tem como Regime Monárquico, teremos de acabar com o tabu-Monarquia implementado á 100 anos em Portugal. No dia que todo o POVO Português, da Esquerda á Direita, do Branco ao Preto, do Rico ao Pobre estiverem verdadeiramente esclarecidos talvez o resultado seja diferente! e digam como eu! EU QUERO UM REI


Duarte Seabra Calado

8 comentários:

Jose Tomaz Mello Breyner disse...

Bravo Du, excelente texto

Maria Menezes disse...

Bom texto Du! Mais uma razão para cairmos de novo na rua no dia 1 de Dezembro, dia da Restauração de Portugal. Só o jantar dos Conjurados não chega!
Abraço!

Daniel Nunes Mateus disse...

Caro Duarte: Estou inteiramente de acordo contigo. O que tu dizes é a pura realidade. Eu, como estudante de História e monárquico convicto, sinto isso. O que sempre existiu em Portugal são os resignados: O que conformaram-se com o estado de situação a que chegamos, porque, acham que não podem fazer nada. E digo-te, temos um trabalho árduo pela frente, que já começou!
Lembra-te que, a propaganda mistica repúblicana foi uma campanha de marketing, que, o pós 5 de Outubro conseguiu implantar. Isto, com a ajuda dos "antepassados da PIDE".
Acabar com esses mitos em torno da monarquia, é uma possibilidade, em que se deve investir arduamente. E acho, com trabalho conseguimos facilmente transmitir, essa nova mensagem, renovada, para a opinião pública.
Pois quando todos os Portugueses perceberem isso, a República cai. Mas até lá, a Monarquia têm que começar por apresentar-se como: a OPOSIÇÃO em Portugal.

Anónimo disse...

Eu, quase toda a minha vida fui republicano, repito, fui!!!
Mas hoje tendo em conta o estado de degradação e decadencia de Portugal, acho que só o retorno à monarquia dará ao país, pelo menos, a defesa da sua integridade cultural e soberana! Portugal precisa de referenciais que se contraponham ao relativismo e à perda de auto-estima nacional em que estes republicanos actuais transformaram o país, ao ponto de aludirem a iberismos e, na declaração, da falta de viabilidade do país que eles próprios, curiosamente governam!
Concluindo, o que vejo hoje é a 3ª República governada por LADRÕES descarados e por hipócrias, principalmente por gente que à conta de se auto arvorarem pseudo-modernismos, sem avaliar sequer a sua qualidade, não gosta de Portugal, nem nunca gostou, e está-se nas tintas para a sua sobrevivencia como nação soberana, em troco de benesses e outros tachos europeistas.
Basta de ignomínia!!
Acho que ganharam mais um adepto.

VIVA PORTUGAL

Jorge Silva

jacobino disse...

Hum...
Os reis não roubam, é isso?

Duarte Seabra Calado (Du) disse...

Meu caro jacobino! nunca vi nenhum caso de corrupção em casas Reais, os Reis não roubam por uma simples razão, porque tem uma vida mediática e sem necessidade de roubar...
Se houvesse casas Reais com casos de Corrupção saberia-se facilmente, porque os orçamentos e gastos dos membros dessa mesma casa são públicos, e meu caro já agora para ficar essas mesmas casas Reais saíram mais BARATAS QUE A CASA CIVIL PORTUGUESA, e essa sim com casos muito estranhos... públicos e recentes

Maria Santos Silva disse...

Du! isto é a maçonaria a trabalhar com o povo, e ele reage assim, é normal, não vê que temos como PM que é o Socrates, é o q temos!
Você deve estar na Lista negra da Maçonaria, qualquer dia ainda lhe fazem mal, a si e ao seu grupo!
Grandes Homens, Nobres destes é que são preciso!

Adoro os Conjurados, Fazem lembrar os nossos bravos conjurados de 1 de Dezembro!

É esta a Nobreza de São Nuno e muitos outros que vocês encarnam!

Beijos a todos meus queridos

Maria Santos Silva

Anónimo disse...

Caro "Jacobino" uma coisa lhe digo:

A 1ª República foi governada por facínoras e assassinos!

A 2ª República foi governada por um ditador!

A 3ª República é governada e dominada por LADRÕES!!!

Jorge Silva